Novidades do setor de energia

o-que-é-o-mercado-cativo-de-energia

O que é o Mercado Cativo de Energia e quais as diferenças para o Mercado Livre?

Para entender melhor as diferenças nos processos de aquisição de energia, é importante conhecer o que é o Mercado Cativo de Energia.

No Brasil, ele é formado principalmente por residências e pequenas empresas que não têm demanda energética suficiente para migrar para o Mercado Livre de Energia.

Mas como esse mercado funciona, como o preço da energia é definido e quais são as principais diferenças entre o Mercado Cativo e o Mercado Livre de Energia? A seguir vamos explicar todos os detalhes sobre o assunto.

Confira!

O que é Mercado Cativo de Energia elétrica?

O setor energético brasileiro é atualmente segmentado em dois “ambientes”, o Ambiente de Contratação Regulada (ACR), que é o Mercado Cativo, e o Ambiente de Contratação Livre (ACL), que é o Mercado Livre de Energia. 

Entenda aqui as principais diferenças entre ACR e ACL.

Assim, o Mercado Cativo de Energia é formado pelos consumidores que têm acesso à energia com tarifas estabelecidas pelo governo e pagam mensalmente pelo serviço de distribuição e de geração de energia. Esses consumidores também são chamados de consumidores cativos.

Como o preço de energia elétrica é definido no Mercado Cativo?

No Mercado Cativo de Energia os consumidores podem comprar energia elétrica apenas da concessionária responsável pela distribuição da energia na região. 

Além disso, no ACR a energia é negociada pelas distribuidoras por meio de leilões e o preço é estabelecido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). No Mercado Cativo também há a incidência das bandeiras tarifárias.

Por conta das bandeiras tarifárias, o valor da conta de luz oscila mês a mês dentro de valores pré-determinados e de acordo com a necessidade de uso de usinas termoelétricas.

Já os reajustes de preços que acontecem ao longo do ano consideram a inflação, os custos para a geração de energia e os investimentos das distribuidoras.

Quais as diferenças entre o Mercado Cativo e o Mercado Livre de Energia?

A principal diferença entre o Mercado Cativo e o Mercado Livre de Energia é a contratação da energia.

Os consumidores cativos de energia não podem negociar o preço a ser pago e devem seguir os valores estabelecidos pelas concessionárias da região, enquanto os consumidores livres podem fazer as negociações diretamente com as empresas geradoras ou comercializadoras de energia.

Assim, no Ambiente de Contratação Regulada o consumidor paga uma fatura mensal que inclui o serviço de distribuição e a geração de energia, enquanto no Ambiente de Contratação Livre os consumidores Livres negociam suas condições de contratação diretamente com os fornecedores.

Além disso, no Mercado Livre de Energia, é possível escolher de qual empresa comprar e também definir o preço, prazo, volume e forma de pagamento diretamente com ela. Por isso, os consumidores livres conseguem atingir um preço de contratação de energia muito mais baixo do que no Mercado Cativo.

Inclusive, de acordo com um levantamento da Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel), 80% dos consumidores gostariam de poder escolher o fornecedor de energia elétrica.

Se você também tem interesse em escolher seu fornecedor e tem a demanda mínima necessária para fazer a migração, é válido considerar migrar do Mercado Cativo para o Mercado Livre de Energia.

Para isso, as empresas devem se enquadrar em pelo menos uma das categorias abaixo:

  • Consumidor Livre: tem uma demanda mínima de 1,5 MW e pode escolher o fornecedor de energia elétrica por meio de livre negociação;
  • Consumidor Especial: tem uma demanda entre 500 kW e 1,5 MW, podendo adquirir energia de Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCHs) ou de fontes renováveis como eólica, biomassa ou solar;
  • Comunhão: caso a empresa não tenha demanda suficiente para conseguir entrar no Mercado Livre, é possível fazer uma comunhão de cargas com outras unidades consumidoras para atingir o mínimo necessário de 500 kW. Porém, isso apenas é válido para consumidores com o mesmo CNPJ e alocados no mesmo submercado ou localizados em áreas que não são separadas por vias públicas.

Saiba mais sobre a comunhão de cargas aqui.

Por que migrar para o Mercado Livre de Energia?

O Mercado Livre está em franca expansão. Segundo um levantamento realizado pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), em 2020 foi registrado um crescimento de 22% no volume de consumidores que passaram do Mercado Cativo para o Mercado Livre em comparação com 2019.

Afinal, no Mercado Livre de Energia os consumidores têm mais liberdade para escolher um fornecedor com tarifas mais atrativas do que as tradicionalmente reguladas pelo governo e também que atenda melhor às suas demandas específicas.

Por conta disso, os consumidores conseguem encontrar melhores ofertas e obter preços inferiores aos estabelecidos no ACR, sendo possível alcançar até 35% de redução de custos com energia elétrica.

Já adiantamos que no Mercado Livre de Energia é possível contratar carga sob medida de acordo com a demanda da empresa. Isso permite fazer previsões no orçamento com muito mais precisão e, por consequência, tomar decisões tendo como referência dados mais assertivos.

Essa previsão pode ser feita porque quando os contratos são fechados os valores são válidos ao longo de todo o período de contratação e não sofrem oscilações imprevisíveis que podem impactar negativamente o orçamento da empresa.

Confira no vídeo abaixo as vantagens e desvantagens do Mercado Livre de Energia:

Tendo o apoio de uma consultoria no Mercado Livre de Energia é possível alcançar uma redução de até 35% na conta de energia elétrica. Como os fornecedores querem conquistar cada vez mais clientes, os preços para a contratação são muito mais competitivos.

Esfera Energia oferece o suporte necessário para empresas que desejam migrar para Mercado Livre de Energia, auxiliando em todo o processo burocrático com assertividade e eficiência, tendo como foco os ganhos que serão gerados para seus clientes.

Além disso, a Esfera Energia também atua nas negociações para garantir as melhores condições possíveis na contratação de energia.

Ou seja, com a Esfera você faz a migração para o Mercado Livre de Energia com segurança, conta com o apoio necessário para o cumprimento das obrigações legais e tem especialistas disponíveis a todo momento para resolver qualquer questão sempre que você precisar.

Atendemos a mais de 120 grupos empresariais, gerenciamos 300 unidades consumidoras e estamos em 19 estados. Então, quer conhecer mais sobre a Esfera Energia e descobrir como uma consultoria no Mercado Livre de Energia pode fazer toda a diferença para sua empresa reduzir custos com a essa despesa?

Fale agora mesmo com nossos consultores!

Saiba tudo sobre o Mercado Livre de Energia